Concurso PC SP: em andamento; novo edital autorizado

Um novo concurso PC SP pode ocorrer em breve! Isso porque foi divulgada a autorização para provimento de 3.500 vagas para vários cargos.

Um novo certame PC SP poderá acontecer em breve! Isso ocorre por que foi divulgada a autorização para provimento de 3.500 vagas aos cargos de Delegado, Médico Legista, Perito Criminal, Investigador e Escrivão.

Ademais, a Polícia Civil de São Paulo segue com seu certame para Escrivão, Investigador e Médico Legista em andamento. Em episódio recente, foram divulgados os resultados preliminares das provas discursivas.

Nesse sentido, juntas, as seleções ofertam cerca de 2.689 vagas, as quais são distribuídas entre os cargos de Escrivão e Investigador, ademais da carreira de Médico Legista. Veja também informações sobre o concurso Delegado SP.

Da autorização do certame PC SP

Com isso, está oficialmente autorizado um novo concurso público da Polícia Civil de São Paulo, com previsão de 3.500 vagas para Agente, Delegado, Escrivão, Médico Legista e Perito Criminal. Veja o documento na íntegra!

Concurso PC SP autorizado

Cargos e vagas do concurso PC SP

CARGOS VAGAS SALÁRIO
Escrivão 1.600 R$ 3.931,18*
Investigador 900 R$ 3.931,18*

Etapas e provas do edital PC SP

Vale mencionar que a seleção dos candidatos do concurso PC SP vai ocorrer mediante aplicação das seguintes etapas:

  • Prova preambular (objetiva) – eliminatório e classificatório;
  • Prova escrita (discursiva) – eliminatório e classificatório;
  • Comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social – eliminatório;
  • Prova oral – eliminatório e classificatório;
  • Prova de títulos – classificatório.

Das provas objetivas

Nesse ponto, a prova objetiva, escrita e de caráter eliminatório e classificatório, foi constituída de 80 (oitenta) questões objetivas de múltipla escolha (cinco alternativas), e atribuição de nota de 0 a 100 pontos, assim distribuídas em módulos:

INVESTIGADOR:

Módulo 1:

  • Língua Portuguesa: 15 questões;
  • Noções de Direito: 15 questões;
  • Noções de Criminologia: 10 questões;

Módulo 2:

  • Noções de Informática: 20 questões;
  • Noções de Lógica: 20 questões.

ESCRIVÃO:

Módulo 1:

  • Língua Portuguesa: 24 questões;
  • Noções de Lógica: 16 questões;

Módulo 2:

  • Noções de Direito e de Criminologia: 20 questões;
  • Noções de Informática: 20 questões.

Nesse aspecto, a prova teve a duração de 4 (quatro) horas, aplicada nas cidades de São Paulo,  Campinas, Presidente Prudente, Araçatuba, Bauru, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, Piracicaba e Sorocaba.

Ademais, a prova objetiva foi avaliada na escala de 0 a 100 pontos, atribuindo-se 1,25 para cada uma das questões correta. Foi considerado habilitado o candidato que alcançou, no mínimo, 50% de acertos em cada um dos módulos.

Prova Discursiva

Os candidatos habilitados na prova preambular tiveram corrigidas as respectivas provas escritas dentre aqueles que obtiveram as maiores notas na prova preambular, em número de 2 vezes o de vagas em disputa em cada região, incluindo-se os empatados.

Os candidatos que se classificaram na prova objetiva tiveram suas respectivas provas escritas corrigidas entre os que obtiveram maior pontuação na prova da pré-escola, duas vezes mais vagas disputadas em cada região, incluindo os empates.

Prova oral

A prova oral, gravada em áudio e vídeo, consiste em questionar os candidatos em sessão pública e trata do conhecimento dos seguintes assuntos: língua portuguesa; Termos legais e termos de criminologia e informática.

Assim, os examinadores de cada disciplina atribuem uma nota de 0 a 100 pontos ao candidato, tendo em conta que será considerado aprovado o candidato que obtiver uma classificação mínima de 50 pontos em cada disciplina e uma média global igual ou superior a 50 pontos.

-> Assine nossa Newsletter para ler conteúdos exclusivos!

Quer receber Notícias Diárias no Telegram? Clique aqui.

Você também precisa ler:

Comentários estão fechados.