Veja 3 dicas reais para reduzir os gastos no seu negócio

Neste artigo reunimos algumas dicas para você cortar alguns custos do seu negócio e conseguir manter as suas finanças equilibradas. Confira!

Quem tem um negócio próprio precisa estar sempre de olho na planilha de finanças. Existem situações onde o lucro precisa crescer, nesse cenário é normal que o empreendedor suba os preços do produto e busque aumentar as vendas do seu produto. 

Mas existem outras maneiras de equilibrar as finanças de uma empresa. Geralmente estamos muito envolvidos nas ações diárias envolvendo nossos negócios e não percebemos que alguns custos podem e devem ser cortados para o bem das finanças.

Portanto, neste artigo reunimos algumas dicas fundamentais para você cortar alguns custos do seu negócio e conseguir manter as suas finanças equilibradas. 

Despesas variáveis X Despesas fixas 

Inicialmente, é interessante que você saiba a diferença entre suas despesas variáveis e fixas, assim fica claro onde é melhor começar o corte de gastos. 

Dessa forma, as suas despesas fixas são aquelas do dia a dia: aluguel, contas de água e luz, telefone, internet.

Portanto, são as contas que realmente precisam ser pagas independente do volume de vendas no mês.

Em contrapartida,  as despesas variáveis estão atreladas ao número de vendas do seu produto ou serviço. 

Assim, um exemplo muito claro disso são as comissões de vendedores, quanto mais eles vendem maior é a comissão. 

Como reduzir custos variáveis

De antemão, existem diversas formas de reduzir as despesas variáveis do seu negócio.

Com isso, você pode começar conversando com um contador e conferir se você está no regime tributário adequado.

Além do mais, pode acontecer de um empreendedor estar pagando impostos a mais simplesmente por estar no regime errado.

Dito isso, outra dica é conversar com os seus fornecedores sobre prazos e descontos, com uma boa negociação vocês podem chegar em um acordo vantajoso para ambos os lados.

Ainda assim, também vale a pena conferir as taxas das máquinas de cartão de crédito, como existe uma grande concorrência entre as operadoras você pode negociar as taxas.

Por fim, mesmo que pareça uma porcentagem pequena no longo prazo, esses descontos vão se mostrar muito vantajosos. 

Como reduzir os gastos fixos

À primeira vista, comece investigando quais despesas estão sendo menos utilizadas no dia a dia do negócio.

Dessa forma, sua empresa tem telefone fixo? Você está realmente utilizando essa ferramenta? Se a resposta para essas perguntas foi não, é hora de ligar para a prestadora do serviço e renegociar os valores do plano.

Basicamente, essa mesma dica vale para a operadora de internet, se você analisar o consumo do serviço dentro do seu negócio pode perceber que está pagando mais caro do que realmente precisa. 

Em síntese, manter a manutenção dos equipamentos usados na empresa em dia pode evitar muitas dores de cabeça no futuro.

Equipamentos novos

Entretanto, é importante saber quando é a hora de parar de consertar e comprar um equipamento novo.

Logo, se você tem um equipamento que está indo para o conserto muitas vezes em pouco tempo é melhor pôr no papel o quanto isso está custando e comparar o custo-benefício de investir em algo novo.

Portanto, é melhor gastar uma vez do que ter que abrir mão de uma quantia todo mês para fazer reparos. 

Agora você já sabe por onde começar a reduzir os custos do seu negócio, com foco e disciplina logo você estará com as finanças no azul.

> Assine nossa Newsletter para ler conteúdos exclusivos!

Quer receber Notícias Diárias no Telegram? Clique aqui. 

Você também precisa ler:

Comentários estão fechados.