Taxa Selic: tudo o que você precisa saber sobre o assunto

A Selic é a taxa básica de juros, neste artigo você vai aprender o que ela representa e como ela é importante para as finanças.

Com o crescimento do interesse dos brasileiros em educação financeira, os conceitos do mercado financeiro estão se tornando cada vez mais populares. E apesar de parecer um assunto complexo ele tem um impacto relevante nas questões do nosso dia a dia, como o pagamento de contas.

A Selic é a taxa básica de juros, neste artigo você vai aprender o que ela representa e como ela é importante para os serviços financeiros que nós utilizamos no nosso cotidiano. Confira.

Você também precisa ler:

O que significa Selic?

Selic é a sigla para Sistema Especial de Liquidação e Custódia, ela é a taxa básica da economia brasileira e é controlada diretamente pelo Banco Central do Brasil. A Selic influencia em todas as demais taxas de juros, ou seja, ela é o principal instrumento para controlar a inflação.

Mas como ela funciona? Bem, a Selic é o instrumento usado para regular as taxas no país certo?

Se não houvesse esse indicador para ser seguido, bancos e instituições financeiras poderiam definir as taxas de juros que bem entendessem. E isso provavelmente resultaria em taxas abusivas e desordem na economia.

É por esse motivo que o Banco Central define metas para a Selic, tanto mensal quanto anual. Acessando o site do Banco Central você pode consultar a taxa da Selic atualizada.

Quando a Selic sobe os juros também sobem

A inflação colabora com o aumento da Selic, e todo o resto do mercado financeiro é influenciado por esse movimento. Sendo assim os bancos podem alterar suas taxas conforme o aumento ou a redução da taxa Selic.

Quando a Selic está em baixa as instituições financeiras podem pagar menores taxas para o Banco Central, o que significa que podem oferecer para os clientes taxas de juros mais atrativas. Isso faz com que a nossa economia seja estimulada.

Por outro lado, quando a taxa Selic sobe os juros sobem junto com ela, e isso constrói um cenário não muito favorável para quem deve para bancos. Isso acontece porque essas instituições precisam reaver o prejuízo que tiveram com a subida da taxa.

Boa notícia para investidores

Para os investidores da renda fixa a taxa Selic é muito importante, afinal quanto menor a taxa Selic menor serão os rendimentos das aplicações. Isso acontece porque geralmente investimentos de renda fixa estão atrelados à variação da Selic.

As opções de investimentos de renda fixa são aquelas onde o investidor sabe quanto vai receber no vencimento da aplicação. São opções seguras, acessíveis para a população, pois os aportes mensais não precisam de um alto valor. Esses investimentos costumam remunerar menos no curto prazo.

Apesar da renda fixa ser uma opção que precisa de um longo prazo para render, ela ainda tem um rendimento maior do que a poupança. E qualquer investimento que renda mais do que a inflação vale a pena.

Agora você consegue perceber como a taxa Selic influencia no seu dia a dia? Por isso é sempre bom estar por dentro das variações da taxa ao longo do ano, especialmente se você é investidor ou está pensando em começar a investir.

> Assine nossa News Later para ler conteúdos exclusivos!

Quer receber Notícias Diárias no Telegran? Clique aqui. 

Você também precisa ler:

Comentários estão fechados.