Google Drive remove limite de 5 milhões de arquivos; Veja!

Google Drive revoga limite de itens de 5 milhões, garantindo experiência otimizada aos usuários. Saiba mais sobre a mudança e seu impacto.

A Google anuncia no Twitter que o Google Drive não terá mais restrições quanto ao número de arquivos armazenados na nuvem.

Na semana anterior, os usuários perceberam que a plataforma não permitia guardar mais de 5 milhões de arquivos, mesmo com espaço disponível na conta.

Tudo começou quando a limitação começou a afetar os usuários de maneira inesperada, já que ninguém estava ciente da existência de um limite de itens no Google Drive.

De acordo com relatos, ao alcançar o limite, a plataforma mostrava um alerta de erro no upload, sem maiores explicações.

Com efeito, o problema persistiu por várias semanas até que a comunidade identificou a causa da questão.

A descoberta só foi possível porque o Google começou a apresentar uma mensagem mais específica:

“Esta conta ultrapassou o limite de 5 milhões de itens. Para adicionar mais itens, mova arquivos para a lixeira ou exclua-os permanentemente.”

Google Drive passa a disponibilizar limite maior para os usuários

Sabe-se que gerar mais de 5 milhões de arquivos no Google Drive é uma tarefa bastante desafiadora para um usuário médio – provavelmente é por isso que poucos foram afetados.

No entanto, é essencial que a plataforma esclareça que existem limitações além do espaço ocupado no armazenamento.

O plano de armazenamento mais amplo do Google One oferece 5 TB de espaço, que, se usado para fazer backup de um computador, pode facilmente armazenar centenas ou milhares de arquivos (mesmo pequenos) de uma só vez, por exemplo.

Se essa ação for realizada várias vezes, o limite pode ser alcançado facilmente.

Sobre o Google Drive

O Google Drive é um serviço de armazenamento em nuvem e sincronização de arquivos desenvolvido pelo Google.

De início, ele foi lançado em Abril de 2012 e permite aos usuários armazenar arquivos na nuvem, compartilhar arquivos com outras pessoas e editar documentos, planilhas e apresentações.

Ademais, tais ações podem ser realizados em conjunto com outras pessoas através do Google Docs, Google Sheets e Google Slides.

Somado a isso, o serviço oferece aos usuários um espaço de armazenamento gratuito, que pode ser expandido mediante a assinatura de planos pagos do Google One, os quais oferecem maior capacidade de armazenamento.

Além disso, a plataforma está disponível em várias plataformas, como Android, iOS, Windows e macOS, permitindo que os usuários acessem seus arquivos em diferentes dispositivos.

Quais as vantagens da plataforma?

Uma das principais vantagens do Google Drive é a capacidade de colaboração em tempo real.

Com isso, várias pessoas podem trabalhar simultaneamente em um único documento, planilha ou apresentação e todas as alterações são salvas automaticamente na nuvem.

Isso facilita o trabalho em equipe e a troca de informações entre os membros de um grupo.

O Google Drive também possui integração com diversos aplicativos e serviços do Google, como o Google Fotos, Google Forms, Google Keep e Google Workspace, proporcionando uma experiência unificada e simplificada aos usuários.

Além disso, o serviço de armazenamento oferece recursos de pesquisa avançada, facilitando a localização de arquivos específicos dentro do serviço.

A segurança dos dados armazenados no Google Drive é uma preocupação constante da empresa.

Para tanto, a empresa utiliza medidas de segurança avançadas, como criptografia de dados em repouso e em trânsito, para proteger os arquivos dos usuários.

Além disso, os usuários podem ativar a verificação em duas etapas para garantir uma camada adicional de segurança em suas contas.

Caso você tenha gostado do nosso artigo, gostaríamos de convidá-lo a nos seguir no Telegram! Lá, você terá acesso a mais conteúdo exclusivo e atualizações regulares sobre nossos artigos e outros tópicos interessantes.

Comentários estão fechados.