3 dicas para se preparar financeiramente e morar sozinho

Se morar sozinho é o seu próximo passo, então, precisa se preparar financeiramente para isso. Confira as dicas que separamos para te ajudar.

Morar sozinho é o sonho de muitas pessoas, mas pensar em todas as etapas podem gerar muitas dúvidas, principalmente quando se trata da parte financeira. Entretanto, com um bom planejamento e organização tudo pode ser muito mais tranquilo. Acompanhe algumas dicas que separamos. 

Você também precisa ler:

Como se preparar para morar sozinho? Talvez essa seja a primeira dúvida que surge, mas o primeiro passo é começar a organização financeira.

Afinal, não é fácil deixar a casa dos pais e se deparar com todas as responsabilidades voltadas para si.

Para ajudar você a se preparar financeiramente nesse próximo passo importante, separamos algumas dicas importantes. Confira!

Orçamento financeiro é o primeiro passo para morar sozinho

Antes de começar a procurar por um apartamento, é preciso primeiro pensar no orçamento financeiro. Observe todos os gastos da sua casa atual e anote aqueles que você também terá na casa/ap novo. 

Geralmente as despesas mais comuns são luz, água e internet. Além disso, tem o custo com alimentação. Mesmo que você não saiba exatamente o preço de tudo, já pode ter uma média. Dessa forma, terá uma ideia para começar a montar o seu orçamento financeiro para morar sozinho.

O momento de escolher o seu imóvel

É importante fixar o valor que está disponível para pagar todo mês. Então, pensando no aluguel do apartamento ou casa mais o condomínio, até quanto você quer gastar? Lembre-se que são despesas mensais, ou seja, é o mesmo valor todo mês. 

Outro ponto essencial é pensar na qualidade de vida que esse imóvel oferecerá a você. Então, caso trabalhe fora, por exemplo, quanto gastará em locomoção? Esses tipos de gastos também precisam ser considerados para saber se vale ou não a pena. 

Tenha uma reserva financeira para morar sozinho

Se você já sabe o quanto está disposto a pagar mensalmente pelo imóvel e já tem uma média das despesas mensais para morar sozinho, é o momento de montar a sua reserva financeira. 

Ela existe para arcar com o seu custo de vida caso algum imprevisto aconteça. Geralmente é indicado de seis a doze meses. Então, se o seu custo é de R$3.000,00, a sua reserva é de no mínimo R$18.000,00. Dessa forma, caso você perca o emprego, por exemplo, terá como se sustentar por seis meses. 

Claro que isso não é uma regra e nem que precisa aguardar ter todo esse dinheiro para morar sozinho, você pode reservar um ou dois meses e, assim que se mudar, continua investindo.

Esses são alguns dos principais passos para se preparar financeiramente antes de sair da casa dos seus pais. Lembre-se que é necessário organização para não ter dor de cabeça no futuro. 

> Assine nossa Newsletter para ler conteúdos exclusivos!

Quer receber Notícias Diárias no Telegram? Clique aqui.

Comentários estão fechados.