Como fugir da inflação: o que o brasileiro pode fazer?

Entender como escapar da inflação seus efeitos é essencial para lidar com o aumento dos preços no país e manter seu poder de aquisição.

Entender como fugir da inflação é essencial para lidar com a alta dos preços no país e manter seu poder de compra. Afinal, há momentos em que os preços sobem além das expectativas e tudo o que resta é mudar nossos hábitos para economizar dinheiro e manter a saúde financeira.

Com alguns passos simples, você pode evitar gastos desnecessários, substituir produtos e equilibrar as contas, mesmo em tempos econômicos difíceis.

Quer aprender a fugir da inflação? Então continue lendo e siga nossas dicas.

Como você pode escapar da inflação e proteger seu dinheiro?

Se você quer saber como fugir da inflação, é importante entender que esse aumento de preços é inevitável em qualquer economia capitalista, mas que sua intensidade varia muito.

No Brasil está no centro da meta médias de 4,5% por ano – significando que esta é a meta de inflação do país, dentro de uma faixa de tolerância de dois pontos abaixo ou acima.

No entanto, em vários períodos o aumento de preços ultrapassou o limite superior desta meta.

Os motivos para isso são variados: instabilidade política, perda cambial, aumento da demanda em relação à oferta de determinados produtos, escassez de insumos, interrupções na cadeia produtiva, etc.

Em 2021, por exemplo, fechou a inflação oficial (IPCA) a ano às 10,06%, alta histórica causada pela pandemia do ‘coronavírus’, segundo dados do IBGE publicados na Agência Brasil.

Um ano antes, em 2020, o mesmo índice era de 4,52% – mostrando o quanto os preços podem variar dependendo do cenário econômico e político do país.

Portanto, é importante se preparar para a inflação em qualquer contexto, pois isso reduz seu poder de compra e seu dinheiro vale menos a cada dia.

Quanto maior a taxa de inflação, maiores os preços dos produtos e serviços que consumimos – e menor o salário.

Acompanhe todas as suas despesas

Se você deseja vencer a inflação, precisa de um controle detalhado sobre todas as suas despesas.

Isso porque muitas vezes são as pequenas compras diárias que consomem nossa renda e acabam estourando o orçamento.

Que café, chocolate, chicletes e outras pequenas despesas recorrentes podem tomar proporções que você nem imagina no final do mês.

Por isso, a dica é usar nosso gráfico de gastos mensais gratuito para registrar cada centavo gasto e entender o impacto da inflação no seu bolso.

Reconsidere suas assinaturas

Os serviços de assinatura são muito convenientes e populares entre os brasileiros, mas precisam ser considerados no seu controle financeiro.

Por exemplo, você precisa de uma assinatura de TV com dezenas de canais que acaba nem tendo tempo de assistir?

Verifique também se você usou todos os serviços de streaming em que está inscrito ou, se possível, fique com apenas um para economizar dinheiro.

Economizando no supermercado

Normalmente, quando a inflação está alta, o supermercado anuncia aumentos significativos de preços.

Por isso, é importante adotar algumas boas práticas para evitar gastos excessivos com compras, como:

  • Evite ir ao supermercado com fome para não acabar com itens desnecessários para comprar;
  • Crie uma lista de compras e siga-a à risca para não levar nada supérfluo consigo;
  • Evite fazer compras com crianças, pois elas geralmente querem algo que não está na lista e pode ser difícil dizer não;
  • Prefira comprar em atacadistas e atacadistas que possuem preços mais baixos do que no varejo;
  • Pesquise antes de comprar e aproveite as ofertas de diversos estabelecimentos;

Use cupons de desconto

Usar todos os cupons de desconto possíveis é uma boa estratégia para evitar a inflação e comprar produtos com preços mais baixos.

Por exemplo, você pode usar sites como o ‘Couponomia‘ que lista vários cupons de desconto e o ‘Cashback‘ Neon para recuperar parte do dinheiro usado nas compras.

Vale também aproveitar as promoções e vouchers das empresas.

> Assine nossa Newsletter para ler conteúdos exclusivos!

Quer receber Notícias Diárias no Telegram? Clique aqui. 

Você também precisa ler:

Comentários estão fechados.